Se esta querendo aprender ou iniciar novos projetos em Flex, clique aqui

Recebi um e-mail aonde o cara quis direito de poder enviar considerações sobre POST O Flex em 2016. Ele pediu para eu publicar e assim estou fazendo.

Em vermelho comentários dele. Em azul, minhas replicas.

Prezado,

Resolvi escrever meus comentário sobre um post seu, onde encontrei seu blog por acaso (em uma das minhas pesquisa pela internet) e, devido ao teor dos comentário lá expostos, faço aqui cumprir a minha palavra sobre meus pensamentos conforme fora postado lá.

Antes de iniciar e sendo bem categórico, para que aquele que lê este documento e não deturpe meus pensamentos da maneira que lhe apraz, quero deixar bem claro que:

  • Não sou pago pela Adobe, Apache e por ninguém para estar escrevendo isto.
  • Não sou um militante desvairado por tecnologia X ou Y. Já passei desta fase.
  • Uso qualquer tecnologia que melhor for adequada ao meu propósito. Até COBOL, se assim for necessário.
  • Apache Flex é voltado para aplicações web, e não web sites.
  • O intuito deste documento é fazer com que as pessoas meditem, pensem e tirem as suas próprias conclusões e não engulam toda fruta podre que assim lhe oferecerem no momento de extrema fome.

Eu acho que não entendeu que os títulos são questionamento de pessoas tentando me convencer que o Flex é bom.

Todo dia me aparece gente me dizendo que devo voltar ao Flex e os títulos é o que as pessoas me dizem como argumento.

Já programei em Flex. Palestrei muito em Flex. Treinei mais de 1.000 pessoas para usarem Flex e hoje o Flex não me atende mais. É lento, difícil de programar e não funciona em todos os navegadores.

No período de 2004~2011 quando o IE dominava, o Flex era uma das melhores opções para desenvolvimento de aplicacões. 2011 com a popularização do Chrome e Firefox e Google incentivando a largar o IE, o mundo WEB mudou para melhor e ferramentas surgem todos os dias para facilitar o desenvolvimento.

E no fex? Quando foi a última noticia?

Flex é produtivo?

R: Depende do que se reconhece como produtividade. Produtividade é: Entregar mais coisas em menos tempo? Entregar menos coisas porém com qualidade? Entregar mais coisas com muito menos tempo e com muito mais qualidade (utópico isto)? A idéia de produtividade vai depender do cenário em que você se encontra. Para uns, produtividade é A e para outros, produtividade é B. O que para mim é produtivo, pode não ser produtivo para você e vice-versa. Eu não considero Scala mais produtivo que o Java, como assim muitos proclamam. Como se conclui, quem irá definir este conceito de forma correta, é o ambiente no qual se encontra. Fica difícil mensurar em um modo geral se o Apache Flex (ou outra IDE qualquer) é produtivo ou não, pois não se pode aplicar este conceito como lei universal.

"A produtividade é basicamente definida como a relação entre a produção e os fatores de produção utilizados. A produção é definida como os bens produzidos(quantidade de produtos produzidos). Os fatores de produção são definidos como sejam pessoas, máquinas, materiais e outros. Quanto maior for a relação entre a quantidade produzida por fatores utilizados maior é a produtividade."

Como você consegue entregar mais produtividade com uma ferramenta lerda como o Flash Builder, e difícil de personalizar como o Flex? E como você consegue trabalhar sem ferramentas de DEBUG? Sem ferramentas de desenvolvimento avançados?

Update 14/03/2016: Não citou ferramentas de Debug

1) Não. O tempo que se perde compilando e compilando o Flex da pra fazer muito mais em HTML(5).

R: Bom, eu não sei como estava divido e qual era o tempo que você levava compilando seus projetos no FlashBuilder mas, se você considerar 5 segundos (o tempo que um grande projeto meu consome, desde o clique no botão até a visualização no browser) como uma perda de tempo muito grande, e que estes 5 segundos lhe trarão uma grande produtividade se for usado em outros browsers (e não a IDE FlashBuilder ), então o FlashBuilder é sim muito lento para você.

5 segundos multiplicado por cada um dos vários testes que se faz por dia da quantas horas por semana?

2) Outra coisa que acho muito ruim é o alto consumo de memória doFlashBuilder.

R: Printei minha tela no momento que escrevi isso:

Obs: 4 abas abertas no Firefox.

Bom, pelo fato do Firefox ser notoriamente um consumidor expressivo de memória, não me dá o direito de estigmatizar o mesmo, sem antes analisar o que pretendo fazer e quais recursos eu tenho disponíveis para atingir o meu objetivo. Ora, se eu tenho uma máquina com 3 Gb em 32bits, é claro que nenhum programa que consuma memória acima dos 300 Mb terá uma boa performance. Se uso muitos recursos da máquina para o meu trabalho, é claro que tenho de ter um bom hardware. Atualmente trabalho com uma máquina de 8Gb, Intel I3 3,3GHz 64bits e me sinto bem confortável usando o FlashBuilder . Se for para falar de IDE altamente consumira de memória, então deveria estar em pauta no post o Android Studio (e que ganha de muitos outros programas neste quesito) e muitas outras IDE’s.

Ou seu projeto é pequeno ou reiniciasse o Fash Builder para printar isso.

E, esquecesse de mensionar que no Firefox deve estar aberto uma aba com o Flash Player e como o FF não separa os processos como o Chrome, esta somado ai o FF + sua rede social em Flex.

3) Sem contar que muitos dos componentes se perde maior tempo personalizando ele.

R: Personalização de componentes somente ocorre quando assim se deseja. Na própria etimologia da palavra “personalizar” (Tornar pessoal; dar caráter pessoal a.) já fica claro isto. Da forma que você coloca, no contexto, remete a ideia de que isso (personalizar) é um requisito obrigatório para usar de um componente em Apache Flex, o que não é. Sobre o custo da personalização, onde você declara que personalizar componentes no Apache Flex é muito mais custoso que nas libs JS, sugiro que você leia um post do blog de um russo chamado Yakov Fain, diretor de uma empresa chamada Farata Systems, onde ele relata que passou 2 anos testando diversas lib’s JS que lhe permitissem trazer a experiência e maturidade que eles tinham em Apache Flex e não encontraram nada parecido, até acharem o Polymer. Atualmente, ele não foca mais os seus desenvolvimentos em Apache Flex mas segundo ele, é a melhor framework de componentes web que ele já pode conhecer.

Logo, personalizar (profissionalmente) componentes em libs JS não é tão fácil como você diz, salvo se for projeto simples.

https://yakovfain.com/2015/08/23/from-flex-to-angular-and-polymer/

Sempre se personaliza. Só se queres aquela cara horrível do Flex não personaliza nada.

4) Um botão, por exemplo para mudar de cor tem que escrever centenas de linhas de código. Já no HTML5 apenas algumas linhas de CSS.

R: Você então está falando da criação de Skins, certo? Pois “escrever centenas de linhas para mudar uma propriedade”, como você descreve eu só vejo a criação de Skins. Se é disso que você está falando, isto acaba entrando no tópico anterior (personalização). Do contrário, existem diversas formas de mudar facilmente propriedades já implementadas nos componentes do Flex, inclusive em CSS. E você sabe disso.

CSS do Flex só muda cores. Mude o formato com CSS do Flex sem nenhuma linha de AS3 e MXML?

Consegues? Não né?

Pois é, porque não da pra fazer.

Update 14/03/2016: não citou como se faz.

5) Na maioria das vezes o cara que diz isso esta usando DreamWeaver e reclamando que é ruim de programar. Escolha uma boa IDE de programação e depois me fale.

R: Neste caso, faz-se mais importante orientar do que criticar.

Olha o link (Escolha uma boa IDE) antes de escrever ta.

Update 14/03/2016: Silêncio

Você cria um form em poucos cliques

5) Mais ai demora um dia todo para sincronizar os campos do formulário com a classe AS para enviar ao AMF.

R: Isso só para quem escolheu usar AMF. Criação de formulários no início de um projeto é até algo bem recorrente porém na manutenção do projeto (reiterando, projeto e não form), isso não ocorre com tanta frequência a ponto de ser degradante no cronograma. Entendo como criar “form” desenvolver uma versão mínima viável de uma interface visual com controles de entrada de dados, para a iteração entre homem-máquina. Implementar futuramente um controle aqui, acolá, pintar containers, etc… para mim, isso já é a manutenção do form, e que ocorre com muita freqüência.

Mas sinceramente, não considero isto como item relevante tanto para depreciar como valorizar a ferramenta/tecnologia. No meu entender, não agrega em nada para uma avaliação deste tipo.

Sua rede social usa AMF. E sem mapeamento de classes do Backend e no Flex como consegues falar de produtividade?

Como?

Update 10/03/2016: Informou apenas que a rede social citada não pertence a ele e não citou nenhum app criado por ele. E não citou como ele corrige as falhas citadas, que todo app Flex Possui.

Ele vai exportar para HTML5

6) E papai noel existe também.

A própria Adobe diz que tem dúvidas da viabilidade disso.

Eu sempre defendi que não é possível. Isso porque será praticamente impossível reconhecer e exportar todas as classes e todas as personalizações de classes. O Google tem oSwiffy mais só converte animações com AS2.

La em 2012 já se falava nisso e até hoje nada. Leia emhttps://groups.google.com/d/msg/flexdev/EQpb4b5r5Ys/YM_tDchS7rcJ.

R: Temos um ponto em comum neste tópico “Isso porque será praticamente impossível reconhecer e exportar todas as classes e todas as personalizações de classes”. Apesar de já ter pessoas utilizando (não saberia dizer se é em ambientes de produção ou somente para fins didáticos), também partilho da mesma opinião sobre a complexidade em interpretar classes, libs, skins, etc… e exportar tudo funcionando para a tríade HTML5+JS+CSS.

Eu posiciono o botão na tela e ele fica igual em qualquer navegador

Sim, igual. Um aplicativo 800x600 em qualquer navegador.

Sugiro estudar sobre aplicação responsiva e verás que o Flex esta longe disso. Ou seja, postagem como a que escrevi em o pesadelo do monitor não é coisa que me preocupa hoje. Então, estude.

R: Sinceramente, após ficar olhando e meditando por minutos esta afirmação mais o conteúdo do link postado, não consegui visualizar o seu problema. Coisas como VGroup, HGroup somando o modo em que você projeta a disposição dos elementos de sua tela, não funcionaram bem com você? Bom, como eu não sei exatamente o problema que ocorreu com você porém, vou dizer somente algo com base na minha experiência. Temos aplicações que “respondem” adequadamente a diversos monitores, sem a barra de rolagem, inclusive redimensionando as margens do browser e os elementos se adequando corretamente a área sitiada, adequando-se conforme o esperado. Portanto, pelo fato de não conhecer ou compreender o que realmente ocorreu, o que posso falar neste momento é somente isto.

Na sua rede social, você colocou 1000PX de largura e encheu de barras de rolagem. Se tiver um monitor de 800PX de largura se ferra.

Pois é, antes de falar, 12,3% dos acessos ao meu Blog são por monitores menor que 1000px de largura. Fonte Google Analytics.

Com o Apache o Flex vai ganhar muito mais força

Infelizmente não. Faz quanto tempo que o Flex foi para a Apache e depois disso quanto de inovação surgiu? Apenas coreção de BUG e pouquíssimas funcionalidades novas surgiram. Nada de grandioso e novo.

R: Outro ponto em comum, mas somente “Apenas coreção de BUG e pouquíssimas funcionalidades novas surgiram”. Isso não significa que o projeto está parado, mas concordo no que se diz a respeito de que algo grandioso já deveria ter sido implementado. Não sei quais foram os motivos que impediram que isso ocorresse até agora. Isso falo apenas em Apache Flex. Agora, se mencionarmos sobre o Flash Player e o Adobe AIR, aí sim houve mudanças significativas. Leitor, procure você mesmo e tire suas conclusões.

Nenhuma nova funcionalidade.

No Flash player nenhum ganho de produtividade

No Flash Player nenhum ganho de desempenho

A única novidade foi a IDE perder o Design Mode que pra mim foi melhoria, visto que eu não usava e só consumia memória.

R: Isso não é relativo somente ao FlashBuilder 4.7? Qual é a correlação da SDK Apache Flex com isso?

Toda. Ao ir ao Apache, a Adobe tirou o Design Mode. Leia e verás.

Flex é mais rápido que ajax por causa do AMF

Não. Com GZIP ativado no servidor é notável gráficos como este aqui:

Não acredita no resultado? Teste você mesmo.

Isso porque o servidor tem que processar o AMF e enquanto processa o XML (ou JSon) já chegou no ajax.

R: Mas dessa forma, você comparando um protocolo e não a tecnologia. Logo, não pode ser objeto da sua avaliação. No Apache Flex existem muitas maneiras de trazer dados de um servidor. Eu já usei em um projeto mobile até uma página HTML como backend, me provendo os dados que necessitava.

Se eu posso ser mais rápido comprimindo o conteúdo do HTTP (conforme os seus testes mesmo indicaram) usando tecnologia A ou tecnologia B, isso nunca poderia ser usado para avaliação pois em todas terão o mesmo tempo de resposta, visto que estamos falando de protocolo. Concorda ou é apenas mais um motivo frívolo para impor ideias?

O AMF sincroniza classes do backend com o Flex. Se não usar o AMF perde-se muita produtividade, que tanto falasse acima.

Mais estamos falando em produtividade para com o futuro usuário do ambiente. Sistemas mais rápidos criam usuários mais felizes.

No Flex ningém olha seu código

Isso me lembra de sobrinhos que mandam email nos fórum de como esconder o fonte do HTML. Eu não tenho medo, pois as regras importantes estão no servidor e não no HTML.

E, busque por SWF Descompiler e depois me fale mais sobre isso.

R: Rapaz, quando eu recebo este tipo de pergunta, eu procuro muito mais ajudar do que criticar. A única ação que temos certeza de seu acontecimento futuro é a morte. Bancos não são 100% seguros, Alcatraz não foi 100% a prova de fugas, OpenSSL não foi 100% seguro, iCloud não foi 100% segura e muitas outras tantas coisas portanto, por quê meu sistema em Apache Flex ou em qualquer outra tecnologia seria 100% contra engenharia reversa? Quantas vezes você já recebeu um email ou telefone oferecendo-lhe serviços ou produtos de empresas que você nunca fez contato, tudo porque seus dados, confinados em super servidores protegidos com dezenas de “cadeados”, um funcionário leviano vendeu os seus dados e de outras pessoas? Nada é 100% seguro e é isso em que deve ser orientado, e não aproveitar o desconhecimento para transformar tal em objeto de ofensa.

Bom, no Brasil, a minha segurança no que se refere a código fonte, é a lei 9.609.

Não entendi sua resposta.

E na sua rede social não estas validando o backend com a sessão do login, assim consigo dados de qualquer pessoa só passando o ID dele como parâmetro. Teste la.

É multi-plataforma

Não. Flash foi descontinuado para Linux e para Mobile.

R: Eu considero que esta frase está errada. Deveria ser “Roda em diversas plataformas de S.O.”. Quando se fala em multiplataforma, logo remete-se a ideia de que algo roda em todas as plataformas, que não é o caso do Apache Flex e nem de muitos. Eu também acreditava que Java era multiplataforma, até trabalhar com Java ME. Apache Flex, Apache Flex, Apache Flex, roda em Windows (Flash Player e AIR), OS X (AIR), Android (AIR) e iOS (AIR). Sobre rodar em diversas plataformas, constantemente ao usar as ferramentas do Google (drive, fotos, etc…) , recebo a seguinte mensagem: “Seu navegador não é um Chrome”. Tudo isso porque estou acessando o recurso dentro de um Firefox. Ora, se nem entre navegadores do mesmo S.O. eu tenho 100% de compatibilidade de alguns serviços, imagine usando outros navegadores em outros sistemas operacionais.

Flash em mobile é Adobe AIR, e para rodar coisas no S.O. e não no browser. Que diga os mais de 100 milhões de downloads no Google Play: https://play.google.com/store/apps/details?id=com.adobe.air&hl=pt_BR

Dias atrás estava lendo sobre isso. Chrome todo dia lança novas e novas técnologias (Novidades que Flex faz tempo não teve) e os outros browser tem que correr atrás de coloca-las.

Então o fato de muitas vezes algo Não funcionar no FF como funciona no Chrome, significa que o Chrome esta todo dia melhorando e gerando novas funcionalidades que os concorrentes não conseguem acompanhar.

PS: Diferente do IE, Chrome é Open Source e todas as funcionalidades são abertas. Só falta os concorrentes usarem.

Tem uma grande comunidade para suporte

Sumiu tudo. Os melhores não estão mais no Flex e sobrou apenas meia dúzia de gato pingado que acha ainda acredita que ele converterá em HTML5 um dia.

R: O que é ser “melhor” para você? Apenas o desenvolvedor quem tem uma certa popularidade na internet? Rapaz, conheço tantas pessoas que inspiram e influenciam desenvolvedores no Brasil inteiro devido a grandiosidade de seus talentos e possuem apenas uma singela pagina no Facebook (e quando tem) onde raramente dão atualizações e ainda quando isso ocorre, falam de outros assuntos que não envolvem TI. Procuram viver da forma simplista e nobre, sem a busca incessante e desenfreada pela fama. Programam (e com excelência) em qualquer linguagem, inclusive em Apache Flex. Uma verdade é que no Brasil, as postagem nas listas de discussões em Apache Flex andam paradas porém, o seu povo é ativo no trabalho com Apache Flex, como mostra este post: https://groups.google.com/forum/?hl=pt-BR#!topic/flexdev/HIQob_N1VpE

Comunidades fora do Brasil, você encontrará muitas ativas, como Stack Overflow, Apache Flex Mail Listing, etc… fora as que não estão em inglês, como russo e japonês (que eu não entendo nada).

Sobre a declaração “meia dúzia de gato pingado”, entendo que você foi muito infeliz nesta declaração pois desrespeita claramente os usuários do seu site e aqueles que usam a tecnologia Apache Flex devido aos seus motivos onde você e eu desconhecemos.

Os que tem popularidade na internet sumiram. Os que não tem popularidade sumiram.

Os bons se foram.

Vagas para desenvolvedores Flex sumiram.

Pessoas procurando por projetos em Flex sumiram.

Forum de Flex já chegou a ter 50 e-mail dia, hoje não passa de 50 por ano. Grupos no FB tem meia dúzia de post por ano.

Sobrou meia dúzia de blogs na internet sobre o assunto e este aqui já removi muitos dos POST por falta de acesso.

Este BLOG já teve 381 POST's. Hoje tem apenas 71. E logo logo terá zero, pois estou apagando os POST que em 6 meses não possuírem pelo menos 5 acessos reais.

Update 12/01/2016

Recebi mais alguns itens para por na lista:

  • Rodando no navegador ele não interagi bem com as rolagens naturais dostouchpad avançados.
    • R: Nunca testei logo, não posso opinar.
  • Ele não se adapta automáticamente aosSkins naturais dos sistemas operacionais. As barras de rolagem doMAC, por exemplo, são bonitas eoFlex mostra aquela horrível e larga barra.
    • R: Nunca testei logo, não posso opinar.
    • E as do ruWindows 7, 8, 10? Se adaptou?
  • Escrever testes é um bicho duro de roer. Muito ruim e chato e com ferramentas arcaicas.
    • R: Não usamos testes unitário em nosso projeto, por n motivos que não acho viável expor aqui, mas usamos outra forma (e ferramenta) para testar nossa aplicação. Logo, não posso opinar sobre isso.
    • Se não usa Testes Unitários como fala em produtividade? Como????
  • FlashBuilder é ruim, lerda e nunca deveria ter sido construída sobre o Eclipse e nãorodaemLinux.
    • R: E por quê o meu desenvolvimento em Apache Flex deveria ser obrigatoriamente no Flash Builder? Por quê não utilizar o IntelliJ IDE, que tem versões para Windows e Linux? Bom...
    • IntelliJ? Mais mandou print do Flash Builder!!!!
    • E hoje tem esta ferramenta, na época que eu programava Flex não havia.
  • Componentes muito difícies de serem editados.
    • R: Já esclareci meus pensamentos sobre isto no item 3.

Update 15/01/2016

Mais de 90 mil sites levam internautas à praga 'Angler', alerta empresa

R: Se for para levantar aqui problemas de segurança, então devem entrar na lista também:

Windows, IE, .NET framework, : http://idgnow.com.br/ti-pessoal/2016/03/09/microsoft-corrige-falhas-de-seguranca-no-windows-office-ie-e-edge/

Android: https://www.cvedetails.com/vulnerability-list/vendor_id-1224/product_id-19997/Google-Android.html

iOS: https://support.apple.com/en-us/HT205212

E muito mais….

Não defendo aqui que falha de segurança é algo tolerável. O que não entendo é: Se muitos cometeram o mesmo crime, por quê julgar e crucificar apenas um? Por quê seria este (Flash Player) mais importante ter o seu delito exposto amplamente, e omitir o mesmo delito dos outros? É justo isto?

Imagina um cara acostumado com a segurança do MAC, ou Linux. Será que ele acha o mesmo. Acima só citasse falhas do SO da M$. Todo mundo usa ele? E quem não usa, tem as maiores falhas vinda do Flash.

Update 28/01/2016

R: Sobre este acesso, a única coisa que se provou até agora é que o seu site perdeu um número significante de visitantes, que é até compreensível devido a ter passado mais de 4 anos sem atualizações.

Se leu e entendeu, o meu Blog esta no ar desde 2009 e escrevi este POST em 10 de Janeiro. Os acessos já estavam muitos baixo.

E cite um BLOG de Flex que se atualizou nos últimos anos?

Update 14/03/2016: não citou nenhum.

Considerações finais

O que mais me motivou a escrever isso aqui foi a arrogância e desrespeito aos usuários do seu blog, categoricamente declarada no post. Com essas atitudes, você me lembrou do Dr. Know, do filme Inteligência Artificial (2001), onde com este documento eu lhe faço a mesma pergunta do David: “Como a fada azul pode me transformar em um menino de verdade?”.

Infelizmente, não foi somente eu quem entendeu desta forma. Olhe os comentários, eles por si só já dizem tudo. Talvez este sim tenha sido um grande erro.

Se você não gosta do Apache Flex, não acha produtivo, é lento, etc.. Esta é a sua posição e ponto final. É o seu pensamento. Agora, considero ser um dever moral meu e seu respeitar quem gosta (ou não) e usa esta tecnologia até hoje, seja lá qual for o seu motivo. Não sou mais inteligente que você e ninguém. Muito pelo contrário, aprendo cada dia coisas novas com diferentes pessoas, e isso inclui até você. A cada dia que descobro algo novo, vejo que nada sei...

Não entendo de fadas. Leio técnologia e não saberia dizer como que falar com fadas transformaria em Homem. Não mesmo. Mais acho que um garoto que fala com fadas precisa de psicólogo para se tornar um homem.

Arrogante eu? Se eu fosse teria apagado seu comentário, mais todos os comentários são automaticamente aprovados pelo Anti-Spam.

Sim, são apenas outros dois. Cade toda a comunidade Flex para encher de comentários o meu Blog? para provar que estou errado.

E, estou em um pais Semi-livre e tenho liberdade para expressar minhas opiniões no meu Blog. Posso não ser o cara mais fodão em Flex, mais recebo e-mail das pessoas me pedindo opinião sobre o Flex e então compilei minhas centenas de respostas em um POST.

Você veio ao meu Blog, falou mau de mim, falou mau dos meus erros de português (e mandou texto com muito mais) (e mandou em Word!!!!) mais em nenhum momento conseguiu mostrar que qualquer de meus argumentos estão errados. Escreveu um monte de Bla bla bla e não.

Sabe meu grande erro? Não fazer igual os outros blogueiros que apagaram seus Blogs para evitar chatos comentando e dizendo que devo voltar a gostar do Flex e pelo 2016, com muitas técnologias melhores, mais produtivas. mais é um bom caso. Vou rever isso.

Considerações finais

  • Ai te pergunto. Se os proprietários da sua rede social pedirem para ter Gif Animada (ou cliente) na rede Social. Como vais fazer?
  • Se fechar a aba sem querer, e já reabri-la terá que fazer login de novo? Ele tem auto-complete e salvar senha?
  • E a navegação, normal ou encheu de popup chatos?
  • E posso usar o Voltar do navegador? Se se usar o voltar sem querer, ele entende que não era para ir?
  • E como fizesse para melhorar a navegação da rolagem que é horrível com o Scroll? E se quiser deixar algo prezo? Encheu de rolagem no meio da tela ou usa só uma na lateral?
  • E como fizesse para lidar com a deficiência do responsivo? Fez com 1000px e só? E se a pessoa tiver monitor menor? Ou maior?
  • E acessibilidade? Tem recurso de Zoom? Leitores de tela já reconhecem?
  • E formatação. Quando resolver colocar emotions no chat e perceber que o HTML dele é tão limitado e ter mais problemas que antes.
  • E Chat? Vai usar o que? Fazer com FMS e ter os problemas da escalabilidade dele? Ou achar algum maluco na face da terra que conseguiu integrar o Flex com Node.JS?
  • Poderia citar outros 300 problemas que o Flex tem e que certamente tens no seu projeto, mais deixa para amanhã

Gostou? Não esqueça de curtir!

Ou compartilhe o link com seus amigos

3 comentários

Deixe uma resposta

  1. Pois é...eu já previa isto. Vamos lá:

    - Você só vê aquilo que quer ver.
    - Você usa muito o achismo.
    - A rede social não é minha.
    - Fala aquilo que não falei (nunca disse para você gostar de Flex)
    - Sequer se aprofundou no que deixei para estimular seu pensamento, como no caso do filme, e falou aquilo que não sabe.

    Bom, eu só percebi a sua maneira de conduzir as coisas no decorrer do curso e só continuei com isto até agora porque dei a minha palavra. Infelizmente, perdi meu tempo. Encerro por aqui.
    Você deveria se chamar Narciso, o dionisíaco.

     
  2. - Vejo o que acontece. Mostre as milhares de vagas em Flex que não consigo ver. Mostre centenas de projetos que não consigo ver.
    - Nenhum achismo. Tudo esta bem descrito e bem calçado em fontes seguras.
    - Falou da rede social
    - Filme? Que filme?
    - Baixou meu Curso. Bem lembrado, esqueci de apagar ele também.

    Já que pedisse, Blog esta fora do AR. Só o post "O Flex em 2016" ficou. Então, agora vejo um blog a menos de Flex.

    Então Xau e divirta-se falando com fadas.

     
  3. Adorei teu curso Kraus, Adorei as palestras que presenciei. Mais infelizmente Flex morreu e tive que reaprender tudo de novo no HTML5. Ainda tenho uma app em flex e fico triste por teres tirado o blog do ar que me ajudou pra caramba. Mais triste por ter tirado por causa de pessoas sem noção.